Sistema Gestor de Conferencias CIAEM, XIV Conferencia Interamericana de Educación Matemática

Por defecto: 
A não congruência das palavras nas situações de comparação multiplicativa: quando ‘vezes mais’ vira divisão
Vera Merlini, Eurivalda Santana, Rogério Pires

Construir: UVM
Sala: F102
Fecha: 2015-05-04 15:30 – 15:50
Última modificación: 2015-04-13

Resumen


O objetivo desse estudo é pesquisar o desempenho e as estratégias de resolução de estudantes do 3º ao 9º ano do Ensino Fundamental de escola pública, frente a situações do campo conceitual multiplicativo no que se refere à comparação multiplicativa. O aporte teórico está baseado em Vergnaud (1990, 1994, 2009) no que concerne ao Campo Conceitual Multiplicativo, e em Duval (2009, 2011) no que diz respeito a congruência e não congruência da linguagem. Os dados foram coletados de um estudo piloto com 15 situações do Campo Conceitual Multiplicativo, com 14 estudantes do Ensino Fundamental, realizado em duas escolas públicas do sul da Bahia. Esse artigo versa sobre o desempenho e estratégia de resolução dos estudantes em duas situações, referentes à comparação multiplicativa. A partir dos resultados obtidos é possível inferir que as expressões vezes mais e vezes menos utilizadas nessas situações influenciam na escolha das estratégias de resolução dos estudantes.


Palabras clave


Campo Conceitual Multiplicativo, estudo diagnóstico, Situações-problema, congruência, não congruência, Ensino Fundamental

Texto completo: PDF